Lendo agora:
Ponte SSA-Ilha será construída por Parceria Público Privada
Artigo completo 3 minutos de leitura

Ponte SSA-Ilha será construída por Parceria Público Privada

Edital para a escolha do grupo que será responsável pela construção será lançado em 2015

Edital para a escolha do grupo que será responsável pela construção será lançado em 2015

A construção da ponte Salvador-Ilha de Itaparica será por Parceria Público Privada (PPP). A aprovação do Conselho Gestor do Programa de PPP foi publicada nesta terça-feira, 7, no Diário Oficial da Bahia. Com isso, o governo pode dá prosseguimento à proposta preliminar do projeto do Sistema Viário Oeste (SVO). A intervenção engloba a construção da ponte Salvador – Ilha de Itaparica, entre a localidade de Gameleira, no município de Vera Cruz, e o bairro do Comércio, em Salvador.

Com a aprovação, o Governo pretende lançar, em dezembro de 2014, um edital de consulta pública com o intuito de recolher da sociedade e do mercado propostas e sugestões para o projeto. Depois da consulta pública um edital final será lançado, em 2015, para a escolha do grupo que será responsável pela construção da ponte Salvador-Itaparica e demais intervenções.

A concessão também contempla um conjunto de obras rodoviárias como a construção do trecho entre a cabeceira da ponte na ilha e o entroncamento com a BA 001; requalificação da rodovia BA 001, no trecho urbanizado de Mar Grande, que passará a ter caráter de avenida urbana de velocidade média; a construção do desvio de Mar Grande; e, ainda, a duplicação da BA 001, em trecho não urbanizado em Vera Cruz, entre a Ponte do Funil e o desvio de Mar Grande.

A PPP estadual está sendo proposta como uma concessão patrocinada com aporte de recursos públicos federais oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), com contraprestação do Estado da Bahia. O valor total do investimento, bem como a participação dos setores público e privado serão definidos com a conclusão dos estudos do projeto básico, que tem previsão de ficar pronto no final deste ano.

Os serviços prestados pela concessionária englobarão: construção; operação e conservação; manutenção; monitoração de estruturas da ponte; e recuperação e adequação do trecho rodoviário.

Emprego

De acordo com o governo, o projeto impactará de forma mais direta em 45 municípios, que somam 4,4 milhões de habitantes, sendo que 800 mil moram nas áreas da ilha, Baixo Sul e Recôncavo Sul. A expectativa é que a dinamização da economia gere 96 mil empregos. Essas novas vagas serão distribuídas, especialmente, em oito setores: turismo, logística, educação, saúde, comércio, agricultura, naval e construção civil.

 

(Fonte: Portal Jornal A Tarde – Agência Brasil / Foto: Divulgação)

 

ASSINATURA

Lena Sena foi empresária do mundo da moda e também do segmento de alimentação. É designer de interiores e paisagista, duas de suas grandes paixões. Também é arteira, como gosta de ser chamada entre os que trabalham com artesanato, atividade que continua a lhe conferir belas criações.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Input your search keywords and press Enter.