Lendo agora:
Lajedinho decreta situação de emergência e luto de três dias
Artigo completo 4 minutos de leitura

Lajedinho decreta situação de emergência e luto de três dias

650x375_1374356

 

 

Forte chuva que atingiu a cidade neste sábado, 07, destruiu casas e estabelecimentos
A prefeitura de Lajedinho (a 466 km de Salvador), na Chapada Diamantina, declarou estado de emergência e luto oficial por três dias, a partir desta segunda-feira, 09, por conta da morte de dez pessoas, vítimas do temporal que atingiu a cidade entre a noite de sábado e a madrugada deste domingo, 08.
No município, que também está entre as cidades em estado de emergência por conta da seca, choveu 120 milímetros em duas horas, o equivalente a dois meses de chuva, conforme informou o coordenador da Superintendência da Defesa Civil do Estado (Sudec), Paulo Sérgio Luz.
Segundo o gestor, o período de seca deixou o solo impermeável, o que bloqueou a entrada da chuva que escorreu pelos vales da região até chegar ao centro da cidade, onde fica o riacho Saracura. O curso d’ água transbordou, arrastando carros, destruindo casas e  prédios públicos.
O coordenador da Sudec informou que oito dos dez mortos na enxurrada são “praticamente da mesma família” e moravam na rua Sete de Setembro, no centro da cidade, área mais afetada. São eles: Tharso Lima dos Santos, 4 anos; Sirlene Santos da Silva, 16 anos; Ilza Cavalcante da Silva, 68; Valdete Maria de Jesus, 40; Andreza de Jesus, Cátia Fernanda de Jesus Santos; Valéria Cruz Lima e Luiza Santos Lima.
“A maioria das vítimas foi morta por afogamento e por ter ficado presa entre os escombros das casas que desabaram”, relatou o coordenador da Sudec. Oito corpos foram levados para o Instituto Médico-Legal de Itaberaba.
Dois mortos ainda não havia sido identificados, entre eles uma criança de 11 anos, e, pelo menos, cinco pessoas estavam desaparecidas até o início da noite de domingo. Mais de 120 pessoas ficaram desabrigadas, entre elas o prefeito de Lajedinho, Antônio Mário Lima Silva (PSD).
Desabrigados – “Se fosse só minha casa que tivesse sido atingida, não teria nenhum problema”, afirmou o mandatário da cidade, que tem 4 mil habitantes, antes de completar: “A questão toda é que muitas famílias também foram atingidas”. Conforme o prefeito, os desabrigados foram alojados nas duas maiores escolas do município, que estão localizadas na parte alta da cidade. “Uma outra parte conseguiu abrigo na casa de parentes. Aqueles da zona rural, estão em fazendas que foram oferecidas pelos proprietários”, contou Lima.
De acordo com o prefeito, o município vai pedir ajuda também aos governos Estadual e Federal para reerguer a cidade. “Estamos contando com o apoio de municípios vizinhos, que enviaram colchões, roupas, alimentos e cobertores. A cidade é pequena e foi muito castigada”, disse, com a voz abatida.
A titular da Secretaria de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes), Moema Gramacho, chegou domingo a Lajedinho e disse que o município recebe o apoio do Corpo de Bombeiros, das polícias civil e militar, além da Defesa Civil do Estado. “Antes mesmo de fazer todo o levantamento dos desabrigados, já disponibilizamos assistentes sociais, médicos, enfermeiros e medicamentos”, informou Gramacho, ao acrescentar que carros da Secretaria de Saúde local foram destruídos pelos escombros.
Segundo a secretária, o vice-governador, Otto Alencar, também esteve no local. Por meio de nota, o governador Jaques Wagner lamentou o ocorrido: “O governo coloca à disposição todos os recursos disponíveis. Peço aos baianos que se mobilizem para ajudar os moradores de Lajedinho”.

(Fonte: Portal Jornal A Tarde – Franco Adailton / Foto: Correio da Chapada/ Divulgação)

ASSINATURA

Lena Sena foi empresária do mundo da moda e também do segmento de alimentação. É designer de interiores e paisagista, duas de suas grandes paixões. Também é arteira, como gosta de ser chamada entre os que trabalham com artesanato, atividade que continua a lhe conferir belas criações.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Input your search keywords and press Enter.