Lendo agora:
Conheça os dois novos ferries que vão fazer a travessia Salvador a Itaparica
Artigo completo 2 minutos de leitura

Conheça os dois novos ferries que vão fazer a travessia Salvador a Itaparica

b

Os ferries Dorival Caymmi e Zumbi dos Palmares já estão em Salvador. Comprados por R$ 54,9 milhões, na Grécia, pelo Governo do Estado, ficarão fundeados, próximos ao Terminal Náutico, para vistorias obrigatórias. De lá, eles seguem para a Base Naval de Aratu, para realização de inspeções técnicas e teste de inclinação, necessários antes do início das operações.

Ao saírem da Base Naval, as embarcações estarão aptas para começar a operar, dentro do sistema de travessia da Baía de Todos os Santos, em aproximadamente 20 dias.

Inicialmente, será feita uma operação assistida, durante o período de até 120 dias, tempo em que a tripulação local receberá treinamento técnico dos tripulantes vindos da Grécia.

Assim que iniciarem as operações, as duas embarcações dobrarão a capacidade de transporte de carros e aumentarão em 75% a de passageiros, proporcionando menor tempo de espera nas filas por parte dos usuários. E o tempo de travessia também será menor, estimado em 35 minutos. Atualmente, os ferries Anna Nery e Ivete Sangalo fazem o trajeto em 45 minutos.

Juntos, eles comportam 312 veículos e 3.100 passageiros, o que significa que será possível promover a travessia de 750 mil veículos/ano, além de 4,5 milhões de passageiros. Os ferries também possuem manobra facilitada (saída para os dois lados, o que evita manobras).

Para o secretário de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, a aquisição dos ferries Zumbi dos Palmares e Dorival Caymmi significa um grande passo na melhoria do Sistema Ferry Boat, tão importante para a população, assegura o gestor da pasta. “Realizamos as intervenções necessárias para que os equipamentos chegassem em segurança, cumprimos todas as recomendações exigidas pelo governo brasileiro e agora vamos realizar as inspeções de rotina e integrá-los ao sistema, dando assim mais conforto e rapidez aos usuários”.

Foram realizadas obras no atracadouro da capital baiana e de Bom Despacho, por conta do tamanho dos novos ferries. Entre as intervenções, estão a construção de dois flutuantes e duas novas rampas nos locais, além de construção de seis dolfins metálicos, também concluídos.

(Fonte: Portal Jornal Tribuna da Bahia / Foto: Reprodução)

ASSINATURA

Lena Sena foi empresária do mundo da moda e também do segmento de alimentação. É designer de interiores e paisagista, duas de suas grandes paixões. Também é arteira, como gosta de ser chamada entre os que trabalham com artesanato, atividade que continua a lhe conferir belas criações.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Input your search keywords and press Enter.