Lendo agora:
José Aldo
Artigo completo 2 minutos de leitura

filme

Nascido e criado em Manaus, José Aldo (José Loreto) precisa lidar com a truculência do pai, Seu José (Jackson Antunes), que além de se embebedar constantemente ainda por cima bate na esposa, Rocilene (Cláudia Ohana), com frequência. Enfrentando constantemente seus demônios internos, Aldo encontra na luta sua válvula de escape. Acreditando em seu futuro como lutador, ele aceita se mudar para o Rio de Janeiro e morar de favor no pequeno alojamento de uma academia. Lá ele recebe o apoio do amigo Marcos Loro (Rafinha Bastos) e conhece Vivi (Cléo Pires), uma jovem que vai constantemente à acad emia. Precisando ralar um bocado para se manter, Aldo enfim consegue um voto de confiança do treinador Dedé Pederneiras (Milhem Cortaz), iniciando assim sua carreira no mundo do MMA.
Para vencer os oponentes no octógono, porém, ele terá antes que acertar suas contas com o passado e superar velhos traumas. Cinebiografia do lutador amazonense que se tornou o primeiro campeão peso-pena do UFC.
Além dos problemas familiares, o filme tem início abordando a vida de arruaceiro que José levava, bem como o esforço que o pai fazia para nos momentos em que estava sóbrio, ajudar o filho. Este ano teremos as Olimpíadas no Rio e a trama mostra as dificuldades enfrentadas pelos esportistas do nosso país, bem como a necessidade de um profissional capacitado para treinar e a importância do respeito do atleta para com ele.
A mensagem que fica é: precisamos identificar os nossos fantasmas e que só é lutador quem sabe lutar consigo e, vencer seus medos!

Lena Sena foi empresária do mundo da moda e também do segmento de alimentação. É designer de interiores e paisagista, duas de suas grandes paixões. Também é arteira, como gosta de ser chamada entre os que trabalham com artesanato, atividade que continua a lhe conferir belas criações.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Input your search keywords and press Enter.