Lendo agora:
Escola de Dança da Funceb realiza Mostra dos Cursos Livres no TCA
Artigo completo 3 minutos de leitura

Escola de Dança da Funceb realiza Mostra dos Cursos Livres no TCA

A apresentação acontece no dia 20 de novembro, Dia da Consciência Negra, com ingresso gratuito

divulgacao -  Funceb

Professores e alunos dos Cursos Livres da Escola de Dança da Fundação Cultural do Estado Bahia (FUNCEB) apresentam, no dia 20 de novembro (sexta-feira), às 19h30, no Teatro Castro Alves, a mostra artística Corpografia Brasileira. O programa com direção artística de Robson Correia tem um elenco composto por 320 alunos.

São 19 apresentações dirigidas por 16 professores das modalidades: teatro físico, balé clássico, sapateado americano, dança do ventre, dança de salão, dança moderna, percussão, dança afro, zumba, street jazz, dança moderna, método griotlab e percussão. O evento é aberto ao público. As senhas de acesso serão distribuídas meia hora antes do espetáculo.

A Escola de Dança é um espaço público de educação pela dança, vinculada ao Centro de Formação em Artes (CFA) da Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), entidade vinculada à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA). Os cursos livres surgiram de uma demanda de um público adulto, há 15 anos atrás, quando a escola atendia apenas a crianças e a jovens.

“Hoje, os Cursos Livres atendem mais alunos (700) do que a Escola toda atendia àquela época. E não estamos falando apenas em números. Falamos da preocupação pedagógica e artística que a coordenação vem tendo, no trato com as diversas modalidades de dança que os Cursos Livres abraçam”, afirma Maria Virginia M. O. Costa, diretora da Escola de Dança.

A professora do curso de dança do ventre Rita Carneiro julga essencial a prática dos cursos livres. “Acredito que assim a gente consegue democratizar a acessibilidade de pessoas de classes populares a todas as práticas corporais”, explica.

A mostra surge a partir de práticas criativas, e pedagógicas, construídas através de processos vividos dentro e fora da sala de aula. E objetiva reconhecer a importância e a potencialidade dos alunos. Em sete edições a mostra já passou por lugares como Espaço Xisto Bahia, Teatro Vila Velha e praças do Pelourinho.

As apresentações acontecem desde 2013 no Teatro Castro Alves, sempre no dia da Consciência Negra, o que dialoga com o tema central da mostra de 2015, que tem uma proposta de mostrar que em uma comunidade dinâmica e múltipla, corpos se confluem em culturas, pensamentos e estéticas, escrevendo histórias singulares e se tornando uma fonte inesgotável de inspiração.

As inscrições para os Cursos Livres de 2016 acontecem de 15 à 26.01.16, das 17h às 20h30.

(Fonte: Portal iBahia / Foto: Blog Educação Profissional da Bahia)

ASSINATURA

 

 

Lena Sena foi empresária do mundo da moda e também do segmento de alimentação. É designer de interiores e paisagista, duas de suas grandes paixões. Também é arteira, como gosta de ser chamada entre os que trabalham com artesanato, atividade que continua a lhe conferir belas criações.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Input your search keywords and press Enter.