Lendo agora:
Os cães mais fiéis da história
Artigo completo 3 minutos de leitura

Os cães mais fiéis da história

Todos nós sabemos que o cachorro é o melhor amigo do homem, visto que a relação entre o bicho de estimação e o seu dono é verdadeira, tanto que ambos são capazes de realizar sacrifícios pelo outro.

Abaixo, você poderá conhecer alguns casos de “fidelidade canina” que ultrapassaram a barreira entre o cão e o dono, tornando-se uma relação sincera e digna de prêmios. O que esses cãezinhos fizeram ou ainda fazem é de emocionar.

Os-cães-mais-fiéis-da-história

O cão que vigia o túmulo do seu dono

Capitan é um pastor alemão que se recusa a sair do lado do túmulo do seu falecido dono. Miguel Guzman havia comprando o cãozinho para o seu filho Damian, de 13 anos. Em 2006, Mr. Guzman veio a falecer e por isso o seu bicho de estimação acabou fugindo de casa.

Após muito procurar, a família encontrou Capitan sentado sobre o túmulo do seu dono. Atualmente, o cachorro ainda está vivo e durante o dia fica na casa da família, no entanto, antes mesmo de escurecer, o cãozinho retorna ao cemitério e fica ao lado do túmulo de Guzman.

O cão que não abandonou o corpo do seu dono

Essa história é bastante curiosa, isso por que um cachorro ficou ao lado de seu dono por cerca de 12 horas depois que ele foi morto em um acidente. O dono do cão, acabou sendo atingido por um carro, durante a noite, na auto-estrada 1, em Santa Cruz, Califórnia. Ele estava andando de bicicleta e, com o impacto, seu corpo foi lançado e caiu na beira da estrada, ficando assim até a manhã seguinte.

Uma pessoa que passava no local, no outro dia, viu a bicicleta contorcida, o homem (já sem vida) e o cão sem qualquer ferimento. Foi depois disso que o resgate chegou.

Fantástica história desse cãozinho que mesmo sendo irracional, preserva o amor e afetividade que tinha com o seu dono.

O cão que não deixou sua dona se suicidar

Capa de diversas revistas e jornais da imprensa francesa, a notícia de que uma mulher teria sido impedida de cometer suicídio por seu cão movimentou o país e fez com que as pessoas passassem a refletir sobre suas ações e seus animais de estimação.

Uma senhora, de 63 anos, estava decidida a se matar, por isso pegou uma arma e foi para o quintal localizado na parte de trás da sua casa, em Sorgues, na França. Parecia que a morte seria iminente, no entanto o seu cãozinho não deixou com que ela cometesse suicídio.

Para evitar essa terrível tragédia, o pastor alemão pulou com toda a força na mão da idosa e conseguiu fazer com que ela largasse a arma. A arma acabou disparando mesmo assim, no entanto não acertou o alvo, passando apenas de raspão. Com isso, a senhora sofreu um ferimento no peito, mas não ficou gravemente ferida e passou a ser acompanhada por uma equipe de psicólogos.

 

(Fonte: Portal Eu Vi Ali – Gabriel Reis / Foto: Reprodução)

 

ASSINATURA

Lena Sena foi empresária do mundo da moda e também do segmento de alimentação. É designer de interiores e paisagista, duas de suas grandes paixões. Também é arteira, como gosta de ser chamada entre os que trabalham com artesanato, atividade que continua a lhe conferir belas criações.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Input your search keywords and press Enter.