Lendo agora:
Projeto leva música e poesia a feiras livres de Salvador
Artigo completo 2 minutos de leitura

Projeto leva música e poesia a feiras livres de Salvador

Projeto quer levar alegria para o ambiente das feiras

musica

Quem passou pela Feira de São Joaquim na manhã de ontem levou fiado para casa. Não as mercadorias, mas a programação cultural do projeto Música na Feira, que teve apresentações gratuitas de música e poesia das 6h às 9h. Os músicos Celo Costa e Joaquim Carvalho foram responsáveis por animar os compradores e feirantes em um cenário simples, entre verduras, caixotes, frutas e objetos de artesanato.

musica 1

Celo Costa abriu o Música na Feira em São Joaquim, mas projeto vai passar por outros locais

A ideia do projeto partiu da produtora e terapeuta holística Valéria Magalhães, que se inspirou nas feiras de cidades nordestinas do interior. “Eu pessoalmente gosto de feira e de música, até para um proposito de nutrir o corpo e a alma. Hoje as pessoas estão muito pesadas. A ideia é trazer mais felicidade para a vida”, disse Valéria.

Além da cantoria, o cordelista Antônio Barreto também declamou algumas de suas histórias. O público, atento, parou para ouvir. “A feira é sinônimo de cultura. Os feirantes gostaram muito, alguns acompanharam bem de perto”, afirmou o presidente do Sindicato de Feirantes e Ambulantes de Salvador (Sindifeira), Nilton Ávila

O projeto foi contemplado pelo Edital Arte em Toda Parte, da Fundação Gregório de Mattos, e vai contar com outras quatro apresentações nas principais feiras. Hoje, às 8h, é a vez da Feira de Itapuã, com partipações de Celo Costa, Bule Bule e Jackson Costa. No dia 17 é a vez da Feira do Parque da Cidade, com Celo Costa, Maviael Melo e Jackson Costa, às 5h30.

A Feira do Japão, na Liberdade, também está na programação cultural. No dia 19 se apresentam por lá Celo Costa, Felipe Mago e Gabriel Bandarra, às 8h. No dia 20, a Feira do Nordeste de Amaralina será responsável por receber as apresentações de Celo Costa, Marquinhos Café e Zé Costa, às 8h

(Foto: Evandro Veiga/ CORREIO)

Lena Sena foi empresária do mundo da moda e também do segmento de alimentação. É designer de interiores e paisagista, duas de suas grandes paixões. Também é arteira, como gosta de ser chamada entre os que trabalham com artesanato, atividade que continua a lhe conferir belas criações.

Deixe seu comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Input your search keywords and press Enter.